quarta-feira, 23 de dezembro de 2015

Comprovação de Sonhos e Projeções Coletivas


Desde o 2º semestre de 2015 tenho estudado e praticado os conceitos de projeção astral e libertação da consciência com certa regularidade. Desde então muitas coisas boas tem acontecido na minha vida em decorrência dessa nova jornada. Meu maior desejo é me sentir bem, não julgar e não ser  julgado. Alcançar Paz e Luz independente de provas reais sobre os ensinamentos estudados. Mas quando se trilha por esse caminho as comprovações são consequências automáticas e comigo vem acontecendo muitas delas.
Irei relatar alguns acontecimentos comigo ocorridos para explicar como foi a projeção combinada com meu irmão que de certa forma deu certo.

Relato 1: Certa vez tive uma projeção bacana, não me recordo da projeção em si mas na semana fiquei com uma sensação muito boa. No mesmo dia da projeção contei para minha esposa. Ela espantada me disse:"De tanto que você fala em projeção eu acho que tive uma essa manhã. Após você sair pra trabalhar eu, ainda muito sonolenta, tive uma sensação de leveza e que estava flutuando e meu corpo ficou esbarrando no guarda-roupas". Muitas vezes a questão do acoplamento áurico formado por casais pode atrapalhar um projetor mas descobri dessa vez que a recíproca é verdadeira, ou seja, um projetor pode influenciar as energias do parceiro a ponto do mesmo ter uma experiência projetiva.

Relato 2: Estava num lugar que me remete diretamente a minha faculdade, que não frequento há 3 anos desde que me formei. Visito esse lugar frequentemente em meus sonhos lúcidos. As lembranças que tenho do sonho desta noite nesse lugar são vagas, porém quando estava contando o sonho para meu irmão mais novo ele me indagou como era esse ambiente e descreveu um sonho que teve nesta mesma noite. Para nossa surpresa o lugar que ele  descreveu(e que segundo ele também visita frequentemente) é exatamente igual à minha faculdade por dentro. Detalhe: Ele nunca esteve no lugar fisicamente. Essa é a primeira experiência que tenho onde outra pessoa comprova o sonho, apesar de nenhum de nós dois lembrar do outro no sonho. Mas depois de algumas experiêncas que já tive, não acredito mais em coincidência.

Relato 3: Quando ganhei lucidez estava indo até uma quadra de basquete. Estava à noite e chovendo, de alguma forma eu sabia que mesmo assim alguém estaria jogando. Ao chegar na quadra os jogadores já estavam saindo e comecei a acompanhá-los no caminho de volta. Perdi a lucidez e quando a retomei estava numa espécie de garagem/galpão treinando saltos para algo relacionado ao basquete. Me dei conta de que a gravidade só me afetaria pelo psicológico, então me concentrei e usando o portão como apoio dei um salto e comecei a flutuar. Ainda meio inseguro com a gravidade fiquei escorando no teto e nos cantos, mas flutuando sempre. Acordei e na mesma manhã meu irmão me relatou o sonho dele: Cheguei até ele e contei que nos inscrevi para um campeonato de enterradas de basquete. Passamos por uma quadra e havia um conhecido nosso treinando saltos para o campeonato, paramos para treinar juntos.

Relato 4: Nessa noite tive alguns "sonhos" relacionados entre si. Na maior parte dessas vivências estava numa espécie de condomínio, onde tive inclusive um encontro com um tio já falecido. Na mesma noite meu irmão sonhou com um condomínio e a descrição é compatível.

Devido aos recentes sonhos coincidentes com meu irmão decidimos combinar uma projeção coletiva. Projetores experientes, alguns com certo número de seguidores fiéis como Laércio Fonseca, Saulo Calderón, Wagner Borges, Moisés Esagui e Geraldo Medeiros Jr. Já comprovaram a questão da projeção coletiva com seus seguidores e até parentes. Meu irmão e eu determinamos que no dia em que faríamos a projeção passaríamos o dia inteiro em boas vibrações, emanando energias positivas.

Antes de dormir repeti um mantra por pelo menos 100 vezes "Vou sair do corpo e encontrar o meu irmão"  criando a visualização de flutuar o caminho da minha casa até a casa da minha mãe. Apaguei. Quando ganhei lucidez estava em frente a uma televisão e alguém estava conversando ao meu lado, não lembro se comigo ou outra pessoa. De repente na tv começou o famoso 'Plantão da Globo' e pedi silêncio para escutar a notícia, que era sobre a guerra atual no oriente médio. A notícia que não me lembro qual era abalou meu emocional, me deseliquilibrando. Senti forte EV e acordei em meu quarto. Olhei no celular, eram 02:55hs. Fui até o banheiro e tomar água. Voltei e dormi novamente.

De repente como se fosse já no outro dia, me deparei conversando com meu irmão. Ele me indagava se eu lembraria de tudo que o que havia acontecido. Eu respondi, pontuando com a mão:"Claro que sim. Primeiro plantão da globo, depois notícia sobre a guerra e ai estado vibracional". Acordei lembrando somente da primeira parte da noite, antes de ir ao banheiro. Depois lembrei de repente da segunda parte, me dando conta de que ao achar que estava com meu irmão ainda estava dormindo.

Fui até a casa da minha mãe e contei tudo para o meu irmão. Ele me disse que não se lembrava de nada após dormir, só que teve alguns sintomas projetivos e escutou algo durante a noite. Segundo ele, sentiu um estado vibracional e alguém comentando ao seu lado: "Ai, não vai conseguir".

Nenhum comentário:

Postar um comentário